Arquivo da tag: ser feliz

As Peças que Faltam no Meu Quebra-Cabeça

Hoje foi dia de faxina. Faxina física mesmo, no apê. Sabe como é, varrer, passar pano… Eu deveria pagar uma diarista, mas tem algo nesses momentos de limpeza que me agrada: a chance que tenho de pensar e fazer a faxina no meu interior também. Vai ver é por isso que demoro horrores para limpar a casa – sempre levo pelo menos uma hora a mais do que levaria se fosse mais objetivo nisso. Pois é… só que não o sou. E será que poderei ser objetivo aqui, agora? Continuar lendo

Publicado em Caminhando, Namoro, Relacionamentos, Trabalho | Marcado com , , , , | 2 Comentários

Enquanto não encontra a pessoa certa, continue saindo com a errada

Sabe o que mais? Essa frasse não serve só para relacionamentos: serve para o trabalho, para amigos, para carreiras, para lugares, etc, enfim, quase todo tipo de situação. Contudo, gostaria de ter o foco em somente dois aspectos dessa frase: relacionamentos amorosos e carreira. Continuar lendo

Publicado em Namoro, Relacionamentos, Sexualidade, Trabalho | Marcado com , , , , , | 2 Comentários

Cortando grades

Uma das coisas que sempre me chamaram a atenção são as habilidades sociais que tenho em situações muito específicas, mas que, em outros momentos, são praticamente nulas. Por trabalhar com pessoas, dar aulas, fazer atendimentos, sempre me surpreendi com isso. A sensação que tenho é de ser possuído por uma outra personalidade: postura, voz, pro-atividade, timidez quase zero… tudo muda. Entretanto, é só sair desse contexto que viro Clark Kent. Principalmente se o novo contexto for o da vida amorosa. Continuar lendo

Publicado em Alimentação, Namoro, Relacionamentos, Trabalho | Marcado com , , , , , , , , , | 1 Comentário

De volta!

Amo a vida! De verdade. Não é uma ironia ou algo do tipo, de forma alguma. Gosto mesmo do meu trabalho, da nova cidade em que vim morar, das pessoas que estou conhecendo aqui, do meu apê, de estar pertinho da praia, de morar pertinho do trabalho e de estar em um lugar mil vezes mais calmo que São Paulo. Sério!

Mesmo assim, ainda tem algo, uma coisinha……………… Continuar lendo

Publicado em Caminhando, Namoro, Relacionamentos | Marcado com , , , , , , | Deixe um comentário

Quem sou eu

5 de maio de 2011. Um ano depois de ter iniciado este blog. Um ano depois de ter começado um processo de reflexão sério e com diversas consequências em minha vida. Um ano depois e o caminho que me propus trilhar só começou. Nesse tempo todo, sorri, chorei, amei, briguei, entrei em desespero, acreditei, mudei. E mudei muito. Quem sou eu? Como diria Peter Parker no primeiro Spider-man: “Who am I? Are you sure you wanna know?” Se você tem certeza de que quer saber, então continue lendo, por sua conta e risco. Continuar lendo

Publicado em Caminhando | Marcado com , , , , | 1 Comentário

Em Busca da Felicidade ou Como ouvir a Voz do Coração?

A mente em branco. Sento-me aqui à espera de algum tipo de inspiração. Penso em os quase 12 meses que escrevo neste blog. Um tempo em busca… do que mesmo? Em busca de mim mesmo. Em busca do que sou em plenitude, do que gosto ou não gosto, do que me faria feliz. Um tempo em busca da felicidade. Ah, a felicidade! Continuar lendo

Publicado em Caminhando, Mente, Sexualidade, Trabalho | Marcado com , , , , , , , , | 2 Comentários

Você é feliz?

Há uma reflexão que tenho feito (ou retomado) muito recentemente. Começa com perguntinha famosa: “Você é feliz?”

Se eu sou feliz, eu não quero nada mais pra minha vida, pois tudo o que tenho/faço hoje me completa, me faz feliz. Concorda? Isto é, não preciso de um carro novo, pois sou feliz com o meu, não preciso de um emprego novo, pois sou feliz com o meu, não preciso de ambições, pois sou feliz com minha vida. E, assim, deixo ela tomar seu rumo, fazendo minha parte, não por ambição, por metas, mas pelo prazer de viver. Se evoluo assim, é uma evolução natural, sem pressão e que, se não fosse acontecer, não me faria diferença. Continuar lendo

Publicado em Caminhando, Relacionamentos, Trabalho | Marcado com , , , , , | 1 Comentário